20/10/09 11:18

Canal Campos-Macaé transforma Quissamã em polo turístico

Com cerca de 100 quilômetros de extensão, atravessa os municípios de Campos, Quissamã, Carapebus e Macaé, e é o segundo canal mais extenso do mundo construído pelo homem. Foi uma das mais importantes obras do Imperador D. Pedro II no estado do Rio e é considerada, até hoje, uma das grandes obras da engenharia brasileira do século XIX. Construído entre 1843 e 1861 pelos escravos, tinha como função o escoamento da produção de açúcar das fazendas de Quissamã, Campos e Carapebus até o porto de Macaé.

Em 1847, o Imperador esteve no local pessoalmente vistoriando as obras. Em 1861, tornou-se navegável. Desde 1994, a Prefeitura de Quissamã vem mantendo o canal navegável, que corta vários sítios históricos, fazendas e as lagoas mais bonitas do Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba.

 

Saídas: Centro da cidade até a Lagoa de Carapebus e do Centro em direção a Machadinha.

Duração
: 1h30

Público-alvo: pessoas acima de 8 anos.

Observação: agendamento através de uma das três agências de turismo locais.

Fonte: Prefeitura Municipal de Quissamã